big-end-inf

A minha mãe fodeu com um Cabo Verdiano

A minha mãe sempre foi uma mulher muito reservada até conhecer o Miguel. O Miguel era um amigo mais velho que conheci no início dos anos 80 e com quem gostava de falar já que ele trabalhava numa obra ao lado da minha varanda.

Com o tempo os meus pais começaram a oferecer-lhe almoço uma vez que ele vivia com dificuldades.

O Miguel passou a frequentar a nossa casa com alguma regularidade e eu sempre desconfiei da forma como olhava para minha mãe. Sempre pensei que havia desejo naquele olhar e não me enganei… A verdade é que ele não só passou a ser visita frequente, como também ia lá a casa aos fins-de-semana.

Com o tempo, o Miguel passou a um membro da família e muitas vezes ele passeava e ia a praia com a gente. Também lá ficava em casa muitas vezes, mesmo sem o meu pai presente, e foi numa dessas tardes que tudo começou.

Miguel – O Cabo Verdiano que fodeu a minha mãe

Logo a seguir ao almoço, depois de muito vinho na mesa comecei a ver a minha mãe a dançar com o Miguel e ele começou a roçar se nela.

o miguel a dancar com a minha maeFoi nesse momento que eu o ouvi dizer-lhe:
– Tu és boa e bonita;

A minha mãe respondeu:
– Acho que bebemos vinho demais;

Mas o Miguel continou:
– Desculpa mas gosto de mulheres mais velhas e sinto muito estar doido por ti

A minha mãe responde:

Miguel, eu sou casada e não faço intenção de trair o meu marido;

O Miguel pensou que eu não estava na sala, trancou a porta e disse:

– Vou-te mostrar o meu mastro, podes tocar e mexer sem obrigação.

os olhos da minha mae quando viu o pau grande do miguelEstava o Miguel todo nu e eu reparei nos olhos da minha mãe quando viu aquele enorme caralho a frente dela. Eu acho que ela ficou excitada de imediato e os dois nunca mais se lembraram que eu estava na varanda da sala.

Ainda meio sem saber o que fazer perante aquela situação, a minha mãe disse-lhe:

– Miguel estás a provocar-me.

O Miguel pegou na mão na minha mãe e levou-a a tocar no seu enorme caralho.
Eu já tinha ouvido dizer que os negros tinham um membro muito maior que os outros homens e neste dia eu comprovei que o pénis do Miguel era mesmo grande…

– Então toca-me, ninguém precisa de saber…

Neste momento eu ouvi a minha mãe dizer:
– Meu deus que monstro de pénis tao grande. Oh Miguel… estás tão duro…

a minha mae a fazer um broche ao cabo verdianoDe repente o Miguel forçou a minha mãe a dar-lhe um beijo e completamente excitado pediu-lhe para ela lhe fazer um broche.
– Mete o na boca vais gostar, faz-me um broche…

A minha mãe começou a mamar (a principio com alguma vergonha) mas o Miguel nunca deixou de a incentivar.
– Isso mesmo, chupa-o todo… oh, como chupas bem… não pares, continua… isso, mama-me todo… mais… chupa…

(Eu até consigo perceber o motivo de tanta excitação. Eu mesmo já tinha visto alguns filmes porno e percebi que ele estava a gostar de ter o seu membro duro dentro da boca quente da minha mãe porque ela sabia mesmo fazer um bom broche…)

E eu na varanda a assistir a tudo sem que eles se apercebem-se de nada… Ainda a minha mãe estava a abocanhar a verga do Miguel quando eu o ouvi pedir-lhe para ela se deitar no sofá:
– Deita te no sofá princesa, vou-te chupar e lamber toda com a minha língua…

O Miguel chupou o grelo e a minha mãe toda

cabo verdiano chupa a cona da cotaA minha mãe despiu-se toda, abriu as pernas e o Miguel mergulhou de caras na cona da minha mãe. Nesse dia, ela foi lambida nas mamas, nas pernas e na cona como nunca deveria ter sido. Eu soube disso porque ela só gemia e não parava de pedir mais…
Miguel não pares, é tao bom… não pares ahah, continua…

O Miguel não parou durante minutos e eu vi como ela estava completamente excitada e o Miguel a aproveitar a grande foda que a minha mãe lhe estava a proporcionar.
– Vais dar me a rata e eu vou te foder sua santinha…

Uma penetração vaginal inesquecível

cabo verdiano a enfiar o pau na cona da cotaNunca mais me vou esquecer da excitação que invadiu a minha mãe quando o Miguel começou a penetrar. Os olhos da minha mãe irradiaram prazer e eu soube, naquele momento que o tamanho importa, mesmo! Dela e só se ouvia os gemidos e os pedidos para meter mais fundo…

Minutos mais tarde o Miguel pôs a minha mãe à canzana e começou a fode-la cada vez com mais força. E, finalmente, ela reparou que eu estava na varanda a assistir àquele espectáculo. Foi nessa altura que ela me fez sinal para ficar calado e disse:
– Mais… mete tudo lá dentro… mete com força… fode-me toda…

Isto foi tudo o que continuei a ver até ela se vir e o Miguel esporrar-se  todo em cima da barriga da minha mãe.

Quando ele saiu para se ir lavar, a minha mãe abriu-me a porta e pediu-me para nunca contar o que ali se tinha passado a ninguém…

Imagem do autor Jaime Almeida
Contribuição enviada por: Jaime Almeida

Apenas para publicar as minhas experiências...

Envia também a tua contribuição usando este formulário

User image url: jaime-almeida-77


Encontros Libertinos
1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas
(52 votos, média: 3,17 de 5)
Loading...
2016-08-04 14.794

Galeria de Fotos Porno, Porno Tuga Imagens, Fotos de Sexo
apimentar
Sexo com mulheres infieis
Mulheres que querem foder contigo!
googleplustumblrstumbleuponvkreddit
Tamar_Sex quer falar

Terça-feira, Setembro 26, 2017

Mulher procurando sexo

Distância: 15 km

Procura: Sexo anal

Estado: Casado/a

Fotos: 4